• ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

  • ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

Notícias

MORADORES DA PRAIA DA CAÇAMBA DÃO O PRIMEIRO PASSO PARA REGULARIZAR SEUS IMÓVEIS

- Publicado em 06/10/2019 às 22:50 - Atualizado em 06/10/2019 às 22:52

Moradores lotaram salão da igreja Baixar Imagem

Com o salão da comunidade católica São Brás completamente lotado, cerca de 500 moradores da Praia da Caçamba participaram da Audiência Pública do Programa de Regularização Fundiária, promovida pela Associação para o Desenvolvimento Habitacional Sustentável de Santa Catarina (ADEHASC) e Prefeitura, através da Secretaria de Planejamento Urbano. 

Os moradores preencheram o formulário de adesão ao programa e deixaram contatos para que seja criado um grupo na rede social, para se manterem conectados e facilitar o processo que dura em média de 6 meses a um ano.

PASSO A PASSO

A Audiência Pública foi bastante esclarecedora, com informações sobre o passo a passo e tirando dúvidas dos moradores, com o secretário de Planejamento Urbano, Hamilton Eduardo Jacques, o coordenador regional Tiago Silvano Coelho e Engenheiro Agrimensor Sérgio Panatta. 

O presidente da Associação, Djalma Morell ressaltou que a audiência foi muito bem articulada, organizada e demonstrou a força de vontade tanto dos moradores como da prefeitura de regularizar os imóveis da Praia da Caçamba”. Com a regularização será possível  escriturar inclusive os terrenos das áreas de Marinha.

NOVA CERTIDÃO AO MORADOR

O prefeito de Balneário Arroio do Silva, Juscelino da Silva Guimarães,o Mineiro, falou da importância do programa que está devolvendo a dignidade ao povo arroiosilvense. “A escritura é a segunda identidade do morador, do chão que ele pisa. Para mim é gratificante participar deste encontro”. Mineiro também disse que uma de suas metas de governo que era levar água potável até a Caçamba está se cumprindo.

ANOS DE ESPERA

Já o morador Reinaldo Horr, que vive há 25 anos na Caçamba, a reivindicação dos moradores é antiga e está feliz porque agora vai se concretizar. “Muitos tentaram através de usucapião e nem todos conseguiram. Com a regularização fundiária vai trazer outros benefícios e investimentos que a nossa praia necessita”, disse.

Documentos necessários:

- Contrato de compra e venda do imóvel

- Comprovante de residência

- Certidão de casamento ou nascimento (se for solteiro)

- Documentos pessoais: RG e CPF

Maiores informações no setor ou diretamente com o secretário de Planejamento Urbano, Hamilton Jacques, pelo telefone (48) 99995 2578. 

Fotos:


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar